Famosos

“Me considero sexualmente livre e isso significa que me identifico com o LGBTQI+”

No ar em 'Verão 90' e em filme LGBT, Ícaro Silva comenta sexualidade: 'Sou Ícarossexual'

Em entrevista, o ator Icaro Silva conta toda sua trajetória e fala sobre racismo, sexualidade e otimismo em tempos de crise. (Foto: Ana Branco / Agência O Globo)
Em entrevista, o ator Icaro Silva conta toda sua trajetória e fala sobre racismo, sexualidade e otimismo em tempos de crise. (Foto: Ana Branco / Agência O Globo)

Assim como o mito grego com quem compartilha o nome, o ator Ícaro Silva sempre sonhou alto. Agora, aos 32 anos, ele diz estar colhendo os frutos do que plantou lá atrás, quando despontou na TV com a novelinha “Malhação”. No ar na novela das 19h da TV Globo, “Verão 90” como o cantor de lambada Ticiano e na série Netflix “Coisa mais linda”, como o músico Capitão, ele também está em cartaz com o espetáculo “Ícaro and the black stars”, que fica no Teatro Carlos Gomes até 2 de junho e depois passa por Belo Horizonte e São Paulo.

No cinema, Ícaro pode ser visto em “45 dias sem você”. Primeiro longa de uma trilogia do diretor Rafael Gomes, o filme é uma comédia romântica gay. Para o ator, é importante dar e estar num filme dando voz para a causa LGBTQI+, com a qual ele se identifica.

“Me considero sexualmente livre e isso significa que me identifico com o LGBTQI+. Eu me vejo aberto a sexualidades e ao gêneros, não me vejo rotulado (em nenhuma letra). Tem a letra I, mas eu sou o I de Ícarossexual (risos). Existe uma tentativa de rotularem as pessoas e cada um de nós é uma potência individual. A minha sexualidade é só minha, é importante que a gente se entenda como poder individual”, afirma ele em entrevista para O Globo, onde ainda fala sobre sua infância na periferia de Diadema, no ABC paulista, e sobre a violência no Rio de Janeiro — no ano passado, ele foi ferido por estilhaços de bala quando passava de carro pelo Túnel Zuzu Angel.

Filme autobiográfica apresenta ao público Rafael de Bona em seu primeiro papel como protagonista. (Foto: Divulgação)
Ícaro Silva e Rafael de Bona em cena do filme ’45 dias sem você’. (Foto: Divulgação)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo