Famosos

Paulo Gustavo quebra silêncio sobre polêmica de beijo em filme

"Não sou ativista, militante", disse o humorista do filme “Minha Mãe É Uma Peça 3”.

Paulo Gustavo usou o Instagram para se explicar sobre a falta do beijo no filme “Minha Mãe É Uma Peça”. (Foto: Reprodução/Instagram)
Paulo Gustavo usou o Instagram para se explicar sobre a falta do beijo no filme “Minha Mãe É Uma Peça”. (Foto: Reprodução/Instagram)

Paulo Gustavo quebrou o silêncio na madrugada desta sexta-feira, 13, para se pronunciar a respeito da polêmica em torno do veto do beijo gay na cena do casamento de Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Thiago (Lucas Cordeiro) no filme “Minha Mãe É Uma Peça 3”, que estreia dia 26 de dezembro nos cinemas.

O ator, que escreveu o longa e protagoniza a franquia, disse que a história gira em torno da mãe do personagem, Dona Hermínia, e a forma como ela vai lidar com o fato de que seus filhos estão constituindo novas famílias.

“Quando comecei a escrever esse filme eu tinha uma caneta e uma folha em branco e não sabia por onde começar, mas pensei: quero falar sobre CASAMENTO GAY! Esse momento do casamento trata de uma coisa maior: o orgulho que essa mãe sente ao ver o filho seguir o caminho do amor e casando com quem ele ama! Sendo quem ele quer ser! Eu quis botar esse trecho do casamento deles dois pra relembrar o que eu vivi e, com isso, tentar inspirar e transformar outras famílias! Coisa que eu tenho feito todos esses anos em vários trabalhos!”, começou ele.

O humorista contou ainda que não haverá, como todos estão imaginando, a cerimônia de casamento consumada, que sempre se encerra com um beijo dos noivos. “Não é que exista a cena de um casamento, troca de alianças, ‘até que a morte os separe’ e só não há o beijo. Não existe essa cena dentro do filme. Existe um discurso emocionado dos noivos que é interrompido por Dona Hermínia – daquele jeito dela que vocês bem conhecem – para que ela se declare, não só para Juliano, mas para toda a família. Após esse momento, já estão todos dançando e brindando e celebrando o amor não só dos recém-casados, mas da família toda”, justificou.

Paulo Gustavo, escritor de “Minha Mãe É Uma Peça”, e os atores que protagonizarão o casamento. (Foto: Reprodução/Instagram)
Paulo Gustavo, escritor de “Minha Mãe É Uma Peça”, e os atores que protagonizarão o casamento. (Foto: Reprodução/Instagram)

O ator e escritor ainda ressaltou que é necessário combater e enfrentar a LGBTfobia e que ele não deveria estar sendo “o alvo” das críticas.

“Eu entendo esses questionamentos, acho legítimo e importante! Mas eu acho que estão mirando no alvo errado! Não sou ativista, militante, mas sou um ser político! Minha bandeira é minha vida! Sou gay, casado há 6 anos com Thales [Bretas, dermatologista], meu marido, e somos muito felizes! Agora temos dois lindos filhos e sou rodeado de amor! E é esse amor que eu quero espalhar pelo mundo!”, finalizou.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo